Poesia

A Resposta

Por onde eu olho, há mistério.
Contemplando as estrelas no infinito,
Ouvindo as batidas rápidas de um coração tão pequenininho,
Ou admirando a beleza de um pôr do sol. 
Por mais que já tenha provado a fé, há dúvidas.
Será que todo esse amor é mesmo para mim?
Que apesar de toda a tempestade, posso confiar?
Que em meio a todo o choro, a alegria virá com o amanhecer? 
Ainda que tenha encontrado muitas respostas, há perguntas.
Por que escolheste nos amar?
Como pudeste buscar quem rejeitou tamanho amor?
Como preferiste entregar Seu Filho em nome desse amor?
Mistérios que não posso desvendar,
Dúvidas que provam minha fé e esperança,
Respostas que nem sempre consigo compreender…  
Mas sei que chegará o dia que nada disso importará.
Estarei vivendo num lugar onde as perguntas não terão mais nenhum sentido
E com Aquele que sempre foi a única resposta necessária.

Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus
I Coríntios 2:5


 Música: Estou a Procurar – André Valadão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s